Criado por: gravata, de 29.08.2012 16:37 , Cliques: 2972

Lenço de Bolso

Atualmente voltaram os lenços. Mais e mais homens, que têm coragem e bom gosto em matéria de moda, decoram seus bolsos com a peça adequada. Os lenços não são sómente obrigados a usar em ocasiões festivas, com terno escuro e camisa branca. Também estão conquistando o mundo do guarda roupa elegante para o tempo de lazer.
 
Inicialmente o lenço de bolso, também conhecido como Pochette, constituía um simples lenço de uso cotidiano, guardado no bolso do peito para estar sempre à mão.
Hoje, entretanto, chegou a ter uma função meramente decorativa e no máximo, numa emergência, para limpar os óculos. Os guias de vestuário, com freqüência, mencionam por alto sobre os lenços de bolso, ou talvez dedicam uma menção somente marginalizada, pois muitas vezes são vistos como antiquados e fora de moda.
Esta negligencia é lamentável, sendo que o lenço de bolso é um acessório imprescindível para completar a aparência elegante do homem. É por isso, que nos últimos anos temos podido observar um  interesse crescente e renovado pelo uso do lenço de bolso.

O lenço de bolso pode ser combinado com terno, jaqueta ou blazer.  Também, ou sobretudo, quando se decide não usar gravata. Não importa se você usar uma calça de atletismo. Quer dizer, o lenço de bolso é também ideal para completar o conjunto, atualmente popular, de casaco estreito com jeans.
 
Geralmente os lenços de bolso são confeccionados com seda, microfibra de alta qualidade e algodão. O lenço de linho branco é considerado como uma variante mais formal, recomendado para ocasiões muito festivas e acompanhado com um terno escuro. O lenço de seda, numa só cor ou com um estampado elegante, é para os ternos e o blazer; para a jaqueta xadrez, recomendamos o uso de roupa de cor, seja de seda ou microfibra.

A gama de cores e desenhos é tão grande como no caso das camisas ou gravatas. Entre os tecidos de uma só cor, predominam os tons azul celeste, verde fresco, violeta, azul, vermelho brilhante ou cor de vinho. Entre os desenhos clássicos figuram o paisley, o de bolinhas e o xadrez, mas também  os padrões florais ou de pequenos motivos.

Quando nos resignamos a não usar o  lenço de bolso se deve, muitas vezes, a nossa insegurança diante da questão de como combiná-lo. Como escolho o lenço de bolso adequado para criar um conjunto harmonioso e elegante? Devo partir do estilo da camisa ou da gravata? Qual é o papel do terno? A resposta é ao mesmo tempo, simples e complicada, pois o lenço tem que combinar com cada um dos elementos da roupa. Quer dizer que também se deve ter em conta, as calças, os sapatos e as meias.
 
O lenço é a menor parte da roupa que compõe o terno, a camisa e a gravata, por isso se escolhe no final. Suponhamos que escolhemos um terno escuro não transpassado com risca de giz, em seguida, uma camisa azul celeste com uma gravata azul com listra finas bordôs, meias azul escuro e sapatos pretos. Um lenço que combinaria perfeitamente com cada elemento seria, por exemplo, o de seda bordô com bolinhas azuis. A cor bordô absorve as listras da gravata  e o azul harmoniza-se com o tom da camisa, da gravata e das meias.

Para os mais ousados: Quem combinar a jaqueta ou blazer com calça de outra cor, pode coordenar a gravata com a cor das meias.Um exemplo: uma jaqueta de linho verde oliva, camisa xadrez em branco e rosa, gravata amarela com bolinhas cor de rosa, calça de algodão em cor areia, meias bordô e sapato estilo Oxford em couro marrom. Aqui, por exemplo, seria interessante usar um lenço bordô. Não há dúvida, para tal combinação é necessário algum talento. O homem, na hora de combinar, geralmente se direciona à camisa ou mais frequentemente à gravata, escolhendo um lenço que tenha uma das cores de sua gravata, ou cujo desenho seja idêntico ao da gravata.



     

Próximo artigo do blog
Lojas de gravatas no Brasil »
Produtos relevantes da nossa loja